sábado, 25 de junho de 2011

.:: MULHER DESESPERADA::.
M.C.S  AMIGA VIRTUAL.
Tem situações em nossas vidas que nos levam a certa incredulidade, pois já fizemos de tudo para reverter à situação, e não acontece nada.
Fiz campanhas de “sete sexta feiras”, “rosa do amor”, “sal grosso”, já entreguei o trizimo, orei pela madrugada, orei no monte, por toda casa, orei pelos vizinhos, pelos meus inimigos, já li a Bíblia, já li livros, já procurei profeta, profetiza, pastores, e na verdade estou cada Dia mais desgostosa, e sem saber o que fazer.
Deus esta me ouvindo? Deus me ama? Como encontrá-lo?
Por favor, se você puder me ajudar eu te agradeço.
Ass. M.C.S.

Se você também tiver um problema, ou uma duvida que precise de ajuda, entre em contato pelo email: (minhaopiniaojricardo@hotmail.com), e publicaremos a sua matéria.


quarta-feira, 22 de junho de 2011

.::PEDÁGIO; É INCONSTITUCIONAL::.

O DIREITO DE IR E VIR BARRADO PELOS PEDÁGIOS

Entre os diversos trabalhos apresentados, um deles causou polêmica entre
os participantes. "A Inconstitucionalidade dos Pedágios", desenvolvido
pela aluna do 9º semestre de Direito da Universidade Católica de Pelotas
(UCPel) Márcia dos Santos Silva chocou, impressionou e orientou os
presentes.

A jovem de 22 anos apresentou o "Direito fundamental de ir e vir" nas
estradas do Brasil. Ela, que mora em Pelotas, conta que, para vir a Rio
Grande apresentar seu trabalho no congresso, não pagou pedágio e, na
volta, faria o mesmo.Causando surpresa nos participantes, ela fundamentou
seus atos durante a apresentação.

Márcia explica que na Constituição Federal de 1988, Título II, dos
"Direitos e Garantias Fundamentais", o artigo 5 diz o seguinte: "Todos são
iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se
aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do
direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade" E
no inciso XV do artigo: "é livre a locomoção no território nacional em
tempo de paz, podendo qualquer pessoa, nos termos da lei, nele
entrar,permanecer ou dele sair com seus bens". A jovem acrescenta que "o
direito de ir e vir é cláusula pétrea na Constituição Federal, o que
significa dizer que não é possível violar esse direito. E ainda que todo o
brasileiro tem livre acesso em todo o território nacional. O que também
quer dizer que o pedágio vai contra a constituição".

Segundo Márcia, as estradas não são vendáveis. E o que acontece é que
concessionárias de pedágios realiza contratos com o governo Estadual de
investir no melhoramento dessas rodovias e cobram o pedágio para
ressarcir os gastos. No entanto, no valor da gasolina é incluído o imposto
de Contribuição de Intervenção de Domínio Econômico (Cide), e parte dele é
destinado às estradas. "No momento que abasteço meu carro, estou pagando o
pedágio. Não é necessário eu pagar novamente. Só quero exercer meu
direito, a estrada é um bem público e não é justo eu pagar por um bem que
já é meu também", enfatiza.

A estudante explicou maneiras e mostrou um vídeo que ensinava a passar nos
pedágio sem precisar pagar. "Ou você pode passar atrás de algum carro que
tenha parado. Ou ainda passa direto. A cancela, que barra os carros é de
plástico, não quebra, e quando o carro passa por ali ela abre.

Não tem perigo algum e não arranha o carro", conta ela, que diz fazer isso
sempre que viaja. Após a apresentação, questionamentos não faltaram. Quem
assistia ficava curioso em saber se o ato não estaria infringindo alguma
lei, se poderia gerar multa, ou ainda se quem fizesse isso não estaria
destruindo o patrimônio alheio. As respostas foram claras. Segundo Márcia,
juridicamente não há lei que permita a utilização de pedágios em estradas
brasileiras.

Quanto a ser um patrimônio alheio, o fato, explica ela, é que o pedágio e
a cancela estão no meio do caminho onde os carros precisam passar e, até
então, ela nunca viu cancelas ou pedágios ficarem danificados. Márcia
também conta que uma vez foi parada pela Polícia Rodoviária, e um guarda
disse que iria acompanhá-la para pagar o pedágio. "Eu perguntei ao
policial se ele prestava algum serviço para a concessionária ou ao Estado.
Afinal, um policial rodoviário trabalha para o Estado ou para o governo
Federal e deve cuidar da segurança nas estradas. Já a empresa de pedágios,
é privada, ou seja, não tem nada a ver uma coisa com a outra", Acrescenta.

Ela defende ainda que os preços são iguais para pessoas de baixa renda,
que possuem carros menores, e para quem tem um poder aquisitivo maior e
automóveis melhores, alegando que muita gente não possui condições para
gastar tanto com pedágios. Ela garante também que o Estado está negando um
direito da sociedade. "Não há o que defender ou explicar. A constituição é
clara quando diz que todos nós temos o direito de ir e vir em todas as
estradas do território nacional", conclui.


FONTE: JORNAL AGORA
 MINHA OPINIÃO_Como já foi dito pela a advogada, isso é um crime contra a constitucional, nós precisamos assumir o papel de cidadãos que conhecem
os seus direitos, e reclamar por eles.    


terça-feira, 21 de junho de 2011

.::13º SALÁRIO ELES NAÕ PODE NOS ROUBAR ESSE DIREITO::.

O 13º salário não é um benefício é um direito uma obrigação de todos os empregadores, ou então passe a pagar-nos por semana, e será resolvido o problema.

Se um cidadão recebe R$ 1.000 por mês, isso significa que ele recebe R$ 250 por semana, porém no Brasil os salários são pagos mensalmente, então independente da quantidade de dias do mês, se recebe R$ 1.000 no fim de cada mês. Trabalhando os 12 meses o cidadão teria então para receber no ano R$ 13.000 com seu 13º salário. Porém se você calcular o salário semanal com as 52 semanas do ano verá que a quantia é a mesma obtida no primeiro montante. No caso R$ 250 X 52 semanas teria como resultado R$ 13.000, o que mostra que de fato o 13º no Brasil não seria uma gratificação e sim uma espécie de devolução de quantias não recebidas durante o ano.

Assunto: Aprovado fim 13º salário

Fim do 13º já foi aprovado na Câmara - falta o Senado
Enquanto a gente se distrai com estas CPIs o Congresso continua votando outros assuntos de nosso interesse e a gente nem percebe ...vejam essa:
Fim do 13º já foi aprovado na Câmara (PFL, PMDB, PPB, PPS, PSDB )
Para conhecimento. O fim do 13º salário já foi aprovado na Câmara para alteração do art. 618 da CLT.
Já foi aprovado na Câmara e encaminhado para o Senado.
Provavelmente será votado após as eleições, é claro...
A maioria dos deputados federais que estão neste momento tentando aprovar no Senado o Fim do 13º salário, inclusive da Licença Maternidade e Férias (pagas em 10 vezes) são do PFL e PSDB.
As próprias mordomias e as vergonhosas ajudas de custo de todo tipo que recebem, eles não cortam.
Conheça a cara das pessoas que votaram a favor deste Projeto em todo Brasil. Por favor, repassem essa informação  para o maior número de pessoas possíveis, afinal eles são candidatos fortes nas próximas eleições:

1- INOCÊNCIO OLIVEIRA-PFL
2- JOEL DE HOLLANDA - PFL
3 - JOSÉ MENDONÇA BEZERRA-PFL
4- OSVALDO COELHO - PFL
5- ARMANDO MONTEIRO-PMDB
6- SALATIEL CARVALHO-PMDB
7- PEDRO CORRÊA - PPB
8- RICARDO FIÚZA-PPB
9 -SEVERINO CAVALCANTE - PPB
10- CLEMENTINO COELHO - PPS
11- CARLOS BATATA-PSDB
12- JOÃO COLAÇO - PSDB
13- JOSÉ MÙCIO MONTEIRO-PSDB
DIVULGUEM!!!
Agora, enquanto isso, eles distraem a gente com referendos ridículos!!!!!
E, nas votações que realmente importam, não nos cabe participar????
Cadê os caras pintadas???? Povo que derruba presidente??????
Gente é hora de acordar antes que seja tarde d+!!!!!!!!!!
NINGUÉM É TÃO FORTE QUANTO TODOS NÓS JUNTOS!!!!!!!!
Divulguem!!! E não fique só reclamando do nosso país!!!!
.::NOS BRAÇOS DO PAI::.
CONSOLO CELESTIAL
Apocalipse: 1.9-20
 Os seres humanos tem inúmeras necessidades, como; alimento, água, ar, amor, companhia, realização e esperança. Carecemos, inclusive de muito consolo, porque são muitas as aflições do homem. Quem não está passando por elas, já passou ou vai passar.
O livro de apocalipse é todo ele uma visão de consolo. João, com 95 anos de idade, exilado na ilha de Patmos, castigado por sua fé em Cristo, João sabia que seus amigos e irmãos estavam vivendo maus momentos, pela severa perseguição do Império Romano. O coração de João afligia-se por não poder acompanhar seu povo num momento tão difícil. Então, repentina e grandiosamente os céus se abriram para que ele fosse agraciado com a maior e mais majestosa das revelações já concedidas por Deus a um ser humano, João recebeu uma visão que traria consolo, não apenas a ele, mas também aos seus contemporâneos perseguidos, bem como a todos que, através dos séculos, viessem a enfrentar perseguições.
A REALIDADE DA AFLIÇÃO
A visão da ilha de Palmos nos traz à lembrança o fato de que nossa vida é pontilhada de aflições, tribulações, sofrimentos. João se intitula irmão e companheiro na tribulação. Ao contrário de João, a teologia da prosperidade ensina que segundo a sua doutrina o servo de Deus não adoece, não perde o emprego, não passa dificuldades e não pega resfriado.
Queridos, a Bíblia nos encoraja a permanecer firmes, exorta-nos a perseverar na fé, mostrando que, através de muitas tribulações, o que importa é entrar no reino de Deus. (Atos 14.22). A tribulação faz parte da vida do servo do Senhor, mas o consolo também.
A PROMESSA DO CONSOLO
João olhava para as águas do mar e com o coração cheio de saudade e preocupação, então, eis que a voz do céu e intervém em meio a dor, a aflição e às apreensões do discípulo amado. Como é bom escutar a voz do
Senhor um momento, em meio a tristeza e tribulação.
O propósito do consolo celestial é inspirar-nos a dirigir a olhar para aquilo que Deus ainda há de realizar. Algo que é maravilhoso em João é o fato de que ee era um ancião de olho no futuro. Com isso, tornou-se urna pessoa admirável. Normalmente os idosos, vivem do passado, relembrando as histórias dos anos que se foram e lamentando com nostalgia os bons tempos que já não voltam mais. O apostolo João, mesmo com seus 90
anos no fim da vida, ainda pôs os olhos no futuro. Ele ainda se interessava pelo que Deus ia fazer.
A DIVINDADE DO CONSOLADOR
A aparência com a qual Jesus se apresentou a João em Patmos é majestosa, repleta de glória e de poder. Ela renova a nossa esperança, principalmente quando nos sentimos impotentes, abatidos e vulneráveis. Cristo sabe de tudo o que se passa em nosso interior e à nossa volta, da mesma forma como estava vendo João, os crentes da Ásia e suas necessidades.
A REAÇÃO DO CONSOLADO
Tanta glória, tanto poder e tanta majestade revelados por Jesus acabaram por fazer com que João caísse por terra. A visão que deveria despertar confiança gerou medo. (leia verso 17). João percebeu que todo aquele poder não estava contra ele, mas a seu favor.
Quantas vezes como João, deixamos de reconhecer a mão de Jesus nos acontecimentos! Somos vítimas de uma verdadeira miopia espiritual. Assustamo-nos com os fatos, caímos desfalecidos, entregamos os pontos. Não percebemos que por trás de tudo está a mão do Senhor operando nos acontecimentos e promovendo a nossa restauração, a nossa libertação, socorrendo-nos em meio às aflições.
Não depende do lugar. Onde houver um cristão precisando dele, uma alma passando por aflição, Jesus ali estará. Pode ser numa ilha deserta, nas profundezas do oceano, no anonimato da cidade grande, na solidão de uma cela ou na intimidade de um quarto. O Senhor suavizará o sofrimento, dará conforto, enxugará dos olhos toda lágrima. Por isso, não terna. Permita que o cuidado, a promessa, a visão e a,presença de Cristo, consolem seu coração.
Leia a Bíblia:
      l Pedro 1:1-12
      l Pedro 3:11-15
      Romanos 8:31-39
         Atos 16:23-25
JRicardo


domingo, 19 de junho de 2011

.::BOMBEIROS SÃO A FAVOR DA VIDA::.
Eu,( JRicardo) utilizando este espaço venho a congratular, a toda corporação do CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO ESTADO DO  RIO DE JANEIRO, pelos atos de bravura que vem desempenhando.
Sendo que estão querendo denegrir a imagem de uma corporação, seria e compenetrada, que não faz “corpo mole”, no exercício de sua obrigação.
Tenho o privilégio de conhecer alguns desses heróis que num ato de desespero tomou uma atitude, democrática de reivindicar o direito de ter o seu salário reajustado e direito trabalhista como :vale transporte, alimentação, etc...
O que normalmente o governo exige que as empresas privadas dêem aos seus funcionários.
O governador do Estado do Rio de Janeiro, o senhor Sergio Cabral, tem recusado de abrir mão do seu orgulho, e reconhecer que há necessidade de um reajusto significante para essa corporação; pelo contrario tem envergonhado a corporação permitindo que Ela participe de desfile gay fardados, quando Eles não podem ir a nenhum outro lugar fardado se não estiverem a trabalho.
SENHOR SERGIO CABRAL, A CONSTITUIÇÃO BRASILEIRA DIZ QUE “TODO O PODER EMANA DO POVO E POR ELE É EXERCIDO”.      
       Por esse motivo a população carioca exige que o senhor tome uma atitude sensata e retire todas as acusações contra os nossos companheiros que foram presos e acusados baderneiros,
Por acaso estes “baderneiros” tem sido anjos nos resgates e na obediência, pois estão sempre dispostos a ajudar a todos que necessitam de ajudas.
PEÇO A TODA A POPULAÇÃO QUE OMENAGEIAM O CORPO DE BOMBERO; PRESTANDO-LES SOLIDARIEDADE.
Essa é a minha opinião. SALVE O CORPO DE BOMBEIRO   
‹‹ Postagens mais recentes Postagens mais antigas ››